domingo, 7 de dezembro de 2008

Informações iniciais sobre sistemas.

Muito boa noite! (Ou seria madrugada..?)

Começarei esta postagem de uma forma diferente: comentando o que foi dito até então.

Em primeiro lugar, quero agradecer ao senhor Leandro Yuji por ser o primeiro (com muita fé) de muitos que seguem, seguiram e seguirão este blog. Ao senhor Yuji, meus cumprimentos e o vinho é por conta da casa!

Em segundo lugar, senhor Kirano, dê ouvidos ao nobre senhor Yuji que tão sabiamente aponta que a sua postagem sobre a criação de personagens de sistemas gerais não está tão geral assim.

E, para deixar claro, eu cuido dos exemplos, o senhor Kirano e o senhor Musashi cuidam do geral. (E sim! Eu sei apenas sobre D&D. Não reclame.)

Criando personagens de D&D - Informações iniciais.

Considerando que este blog está voltado para iniciantes, creio que estamos cometendo um pequeno equívoco. Ainda não apresentamos os itens mais importantes de um RPG! E isso é um absurdo (e uma possível explicação para os meus péssimos resultados... u.u). Enfim, vos apresento: os dados!

Dados.

APOSTO que eu peguei muita gente que veio LOUCA pra ver os dados! Não, não postarei as imagens. Por quê? Simples: estou com preguiça. Você já olhou a hora?!

Continuando. Os dados. Os verdadeiros deuses de QUALQUER RPG. Sim, qualquer um. É RPG? Usa dados? Então os dados são os deuses. Já ouviu aquela frase: Não perturbe os deuses? Pois é... Não maltrate um dado. Ele SEMPRE se vinga. (Também não deixe os dados cairem da mesa, os anões ladrões de dados costumam levá-los para outra dimensão, mas essa é uma outra história...)

... E quais seriam esses "deuses"?

*tabefe* Mais respeito com os deuses, por favor? Os dados mais comuns são: d4, d6, d8, d10, d12 e d20; mas você também pode se deparar com a seguinte frase: "jogue 1d2" ou "1d100".

E o que diabos é um d4, d6 e o resto?

A letra "d" é a sigla para "dado". Sempre que você se deparar com a frase "bla bla bla dn" significa que deve utilizar de um dado de ene faces.

Ok... Já entendi. Você é louca. Realmente espera que eu acredite que existe um dado de duas ou cem faces?!

E o respeito foi parar aonde mesmo..? Meus queridos iniciantes na arte do RPG: 1d2 também atende pelo nome de "moeda" ((ou 1d4/2) falando em dados sobre dois, sempre que surgir dados de lados ÍMPARES geralmente, repito, GERALMENTE, são retirados pelo dado com o dobro de faces sobre dois. Aquela continha da matemárica que se chama divisão, ainda se lembra dela?).

Em relação ao d100, dizem os rumores que existe e é uma peça de incrível beleza. Desejado por mestres de todo o mundo. Mas também atende pelo nome de d10 (aquele que começa com ao invés de marcar 1 - 0, marca de 10 - 00, sendo 0 e 00 o valor máximo do dado (aka 10 e 100 respectivamente))

Dados e Sistemas.

E quem nunca ouviu falar da "rixa" entre Sistema D20 e Sistema StoryTeller que atire a primeira pedra!

*Apedreja*

Eu estava brincando, tá legal?! B-R-I-N-C-A-N-D-O!

Vai explicar ou quer mais pedras?

Ok, você está estressado. Eu entendo. Que tal respirar um pouco e esperar eu bolar o texto? Repete comigo: "Calma, paz, tranquilidade." Isso, assim mesmo... Agora repita isso várias vezes, até que esteja calmo. Obrigada, meu corpo agradece.

Enfim. Vamos aos SISTEMAS! (Obviamente falarei dos sistemas que eu conheço. Fico devendo mais informações pra vocês.)

Sistema D20.

Nome auto-explicativo. Sistema baseado no dado de 20 lados. Ainda não entendeu? Eu explico.

Hipoteticamente falando, digamos que você está dentro de uma caverna com um dragão ancião de 50 metros de altura adormecido. Eu disse que ele é forte? E que na verdade é uma fêmea? Cuidando de seus ovos?

... Não estou gostando disso.

Eu também mencionei que você é um halfling (hmmm o mais parecido que posso imaginar para explicar, e ainda assim muito mal explicado, é: imagine que você é o Frodo, sim o viadinho protagonista d'O Senhor dos Anéis), ladino (aka ladrão, mãos leves) e que o seu maior objetivo é saquear um dragão dourado ancião? (melhor que isso só tentar saquear um Tarrasque, mas essa é uma outra história)?

Definitivamente eu não gostei disso.

Faça-me o favor de ficar quieto e escutar a história? Obrigada. Como eu disse ali em cima (no parágrafo anterior) seu objetivo é saquear o dragão. Acontece que o dragão está dormindo. Não, não comemore ainda. Mesmo dormindo o pequeno (eu disse pequeno?) animal possui trocentos meios de descobrir alguém na sua caverna, LOGO você terá que fazer um teste.

Teste? E eu pensando que era só um jogo...

*tabefe* Isso é por dizer que RPG é só um jogo. u.u O pessoa: o teste no RPG NÃO é uma prova. OK, é uma prova, mas que o seu PERSONAGEM e não você (convenhamos, se fosse você, o dragão já teria te comido há muito tempo...) que faz.

Como eu ia dizendo: você faz um teste de furtividade. O que você usa para fazer o teste? Valendo um CHOCOLATE! (hmmmm... deu vontade de comer chocolate agora...)

Um... dado?

Isso! Um dado. Mas... Qual? Se estou falando de sistema d20, você usa o d20. Viu como não foi tão difícil?

*lança o dado* Olha! Tirei 12!

*somando com os modificadores* É... somou 18. Que pena... a CD (classe de dificuldade) era 19... Foi bom te conhecer! *sorriso maníaco-psicopata-assassino*

Ahn..? *dragão acorda* Opa... *comido pelo dragão*

Sistema Story Teller.

Sistema d20 completo. Vamos para o seu "arquiinimigo" o sistema StoryTeller.

O sistema Story Teller é o sistema que eu apelidei de búzios. Por quê, você pergunta? Eu respondo: assista um jogo de Vampiro, Lobisomem ou (insira aqui um RPG da White Wolf) e você entenderá.

No sistema Story Teller o dado utilizado é o d10. Simples? Teoricamente sim. Enquanto o sistema d20 utiliza de todos os dados (sim, todos aqueles ds que eu expliquei mais acima. Mais um pouquinho... isso! Bem aí! Esses dados são usados no sistema d20, seja para dano, para algum teste específico que o mestre diga. O que importa é que: eles são usados.) o sistema Story Teller utiliza apenas, repito, APENAS o d10.

Hmmmm... Acho que já sei qual sistema eu quero jogar.

Pensei que tinha morrido. O dragão te pegou com certeza!

Situação hipotética, se lembra?

Ah... É mesmo... (Droga.) Bem, já que você está aqui, que tal outra situação hipotética?

E eu tenho escolha?

Não. Digamos que você é um vampiro. De qualquer clã que você quiser. E o seu digníssimo Príncipe, da sua digníssima cidade, quer que você vá em um determinado local para pegar um determinado item. Para você chegar nesse lugar você precisa saber dirigir, ter noção de localização, senso de direção e, eu sugiro, que alguns pontos de esquiva e percepção e inteligência também sejam bons.

Por quê? Considerando que estou fingindo que entendi tudo o que você falou...

Porque, jovem padawan, você foi enviado pro meio do mato.

Preciso dizer que não gosto nada disso?

Não. *com um sorriso no rosto* Então vamos lá. Você tem: 3 em condução, 4 em percepção, 3 em inteligência. Como você gosta muito de viver perigosamente você tem uma moto. Tem também 2 em esquiva, 1 em prontidão e assim sucessivamente.

Tá. Vou fingir que entendi. E agora?

Agora, você não sabe disso, mas tem um lobisomem te perseguindo. Calmae, eu disse um? Eu quis dizer uma alcatéia. Tipo uns... 10 a 15 lobisomens.

Show... E o que eu faço agora?

Como eu sou boazinha você já percebeu que está sendo perseguido. Então você joga uns... *contando* 15 d10 pra ver se consegue se manter em cima da moto, desviar dos ataques dos lobisomens, se defender e não acertar nenhuma árvore.

*com uma penca de d10 na mão* Eu achava que você tinha dito que era só o d10...

Eu sei. Eu nunca disse que seria mais fácil. E então? Não vai jogar?

Eu vou morrer mesmo, não vou?

Hmmmmm... Vai. Mas jogando os dados fica mais interessante.

Não, obrigado. Pode me matar.

Droga. Assim não tem graça. Vamos continuar que eu quero ir dormir logo.

*suspira aliviado* Ainda bem. *Bate com a moto em uma árvore e é cercado pela alcatéia de lobisomens que se aproximam rapidamente* Isso vai doer.

Sistema War.

Eu devo perguntar?

É claro! Estou aqui para isso: responder as dúvidas que afligem a sua alma!

Sistema War? Está brincando, certo?

Não, não estou brincando. Não, essa denominação não é oficial e sim fui eu que a criei. Responda-me: quais são os dados usados no War?

Dados de 6 lados.

Exato! Ou seja: os sistemas baseados no d6 é o que eu estou CARINHOSAMENTE chamando de sistemas War.

Exemplos?

O 3DeT e O Senhor dos Anéis por exemplo.

Ok. Eu acredito.

Continuando: falarei do 3DeT. O sistema 3DeT (DeT = Defensores de Tóquio) foi criado para facilitar a vida de vocês, iniciantes. Seria, segundo seus criadores, um sistema simples de base no qual (praticamente) tudo pode ser baseado.

Como assim?

Já ouviu falar de pessoas que jogam o RPG de Naruto, Bleach, Final Fantasy e derivados?

Não, mas como não vai fazer diferença...

Exato, não faz diferença. Acontece que todos eles (ou sua grande maioria) utiliza do sistema de 3DeT para fazer a adaptação, exatamente por ser um sistema que utiliza apenas o d6 e que tem as regras mais amplas (corrijam-me se eu estiver equivocada).

~*~*~*~*~*~*~*~*~

(Essa linha foi tão beesha que me lembrou a Tia... *abraça a Tia* Só faltou o glitter, a purpurina e o rosa... XD)

E foi isso... Próximo post MEU (deixando bem claro) eu continuo dando mais informações iniciais acerca dos dadinhos!

Calma aí... Você não vai tentar me matar pra exemplificar o último sistema?

Não. Estou de bom humor hoje. ^^~

Imagina se estivesse de mau humor... u.u

Continuando.

Quero dizer novamente ao senhor Yuji: seja bem vindo à nossa taberna e sinta-se à vontade em dar suas opiniões. São com as críticas que poderemos crescer cada vez mais e assim o nobre Dragão irá ficar satisfeito.

Falando em deixar o Dragão satisfeito... *segurando uma corda com um macaco amarrado à sua ponta* ISSO é para você aprender a NUNCA MAIS me esquecer...

Norby! Hora do... desjejum! *jogo o macaco na boca do Dragão (aka Norby)*

Desejo boa noite a todos. E que este post ajude-os a aprender mais um pouco sobre o maravilhoso mundo do RPG.

Longa vida ao Norby, o Dragão Azul.

~*~*~*~*~*~*~*~*~

Post Scriptum: Para quem ainda não percebeu EU prefiro o sistema D20.

Mas adoro jogar Vampiro, a Máscara.

E estou me divertindo jogando 2 RPGs baseados em 3DeT.

O que isso significa?

Significa que não existe um sistema melhor que o outro (ou existe). É apenas questão de gosto.

Guarde em sua cabeça que cada sistema tem sua particularidade e tem seus prós e contras, como tudo na vida.

4 comentários:

Hideki disse...

Antes de tudo, não sou louco u.u

E você esqueceu-se de comentar sobre GURPS, sistema que acho mto mais completo que D&D/d20 e que pode ser tão simples qto 3D&T ou tão complexo qto o mestre quiser xD

O 3D&T era para ser usado apenas de introdução mesmo, mas pela facilidade absurda, se tornou mto popular e generico, mas é mais voltado para estilos anime/manga/video game mesmo ^^

E adorei seu post hauhauhuahauha...

Leandro Yuji disse...

Meu nome nunca foi citado tantas vezes em uma só página (nem na biografia do Elfo). Coincidências a parte eu estava explicando sobre d20 system pro Mestre Alan agora pouco. Sou fã de D&D e 3D&T, logo o melhor sistema pra mim é o C.O.D.A. mesmo xD Só que suso d20 ;P
Ghtioc!

Artemis disse...

Obrigada pelo post 8D Só joguei Vampiro uma vez e foi... traumatizante...
E agora entendo o porque dos deuses me odiarem. *deve ter maltratado um dado* .... tá, isso randomicamente me lembrou a lenda do d3 8D

Falei demais.

Emanoel Ferreira disse...

DEPOIS DE LER ISSO O INICIANTE VAI SE TORNAR CRAQUE!
MEUS PARABÉNS MESMO PELO BLOG KARA...
GOSTARIA Q VC ENTRASSE COMO SEGUIDOR DO MEU BLOG DE CONTOS SOBRE CRIATURAS NOTURNAS:
www.blogtaberna.blogspot.com

ROLA PARCERIA? RESPONDE LÁ.